Da busca, ao encontro. Do encontro… transformações.

Por Caroline Hildebrando de Freitas- Psicóloga, Sócia Graduada do IEPP

Um dos aspectos mais importantes de uma psicoterapia de orientação psicanalítica é o encontro. O nascimento de uma “dupla”, que se propõe a dançar junto uma longa e por vezes difícil melodia. E neste dançar é que nascem as possíveis libertações e transformações tão almejadas por nós, profissionais, pacientes, humanos. Encontrar na relação a possível luz para nosso túnel de escuridão. A poesia não deixa de ser isso, uma possível e encantadora transformação do encontro, das palavras e dos sentimentos. De um destes encontros, brotou-me versos e também imagens, onde de alguma forma pude encontrar alento e entendimento para turbilhões de sentimentos que me eram atravessados.

Que os encontros possam ser poesia. E a vida, transformações.

 

“É menina, entre castelos e príncipes, busca encontrar-te mulher.

Através de tuas palavras, de tuas histórias, de tuas lágrimas,

Busca construir um novo conto, um novo final.

Na fantasia, encontrou refúgio.

Na realidade, tristeza.

E entre nossas quatro paredes semanais, buscas a verdade.

Verdade esta escondida dentro de ti.

Mas que juntas, a quatro mãos, vamos escavando.

E a cada escavação um sonho, um olhar, um entendimento vai sendo iluminado.

Deixa a luz entrar menina, mulher-menina, menina-mulher.

Que a luz vem de dentro de ti.”